Poesia e Liberdade

domingo, 19 de dezembro de 2010.
A minha Poesia não faço pra ser chorro de criança
Nem pra ser a dor de uma mulher no parto
A minha poesia eu faço pra voar nas asas do passaro
Pra que ela seja mais do que aquilo que uns chamam
Liberdade!

Liberdade mesmo só tem nas nossas mentes
Qualquer pessoa que tente não vai vencer a barreira
Liberdade, quatro sílabas que separam vocês,
Da saída mais proxima que teriamos pra ultrapassar
Libardade!

A mente e só a mente é livre, que liberdade é pra pensar
Nenhum partido, nenhum bloco, nenhum grupo...
Embrulhada em um pacote de regras, ninguém pode te dar
Socialismo, capitalismo, nazismo, comunismo, neocapitalismo
Liberdade!

Vai dos meus pensamentos a linha escrita no papel
vai de banda revirada no quartel de minhas palavras,
Que sobrevem nas ditas asas que escrevi de leve ao ceu
Rasgando tudo como o passaro, nas asas, ditas:
Liberdade!

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |