0

Hino Anarquista

terça-feira, 30 de novembro de 2010.
proletários Saúde: o grande dia;
deixar os campos da fazenda
não ser escravos da burguesia,
deixar a produção suspensa.
Igualdade de direitos e deveres
tem o padrão da sociedade
terra e os seres humanos
viver feliz na fraternidade.

Trabalhador, não mais sofrer
o opressor tem de sucumbir.
Para derrubar a capital,
o grito da revolução social.
Acracia finalmente triunfar.
Linda terra de jardim será.
Tudo o que eu quero apagar.
povo viril, lute, lute!

Não mais a supremacia dos deuses e as leis,
Os tiranos não mais vil opressão.
E as cercas, limites, os governos e as leis
derrúmbense a passagem da rebelião.
Vamos formar um mundo de paz e harmonia
fazer artes livres e amor prevaleça
Viver a anarquia livre
A natureza fornece seu trabalho rico.

Trabalhador, não mais sofrer
o opressor tem de sucumbir.
Para derrubar a capital,
o grito da revolução social.
Acracia finalmente triunfar.
Linda terra de jardim será.
Tudo o que eu quero apagar.
povo viril, lute, lute!
Leia Mais...
domingo, 28 de novembro de 2010.
Leia Mais...
0

O que é a teoria do caos?

É uma das leis mais importantes do Universo, presente na essência de quase tudo o que nos cerca. A idéia central da teoria do caos é que uma pequenina mudança no início de um evento qualquer pode trazer conseqüências enormes e absolutamente desconhecidas no futuro. Por isso, tais eventos seriam praticamente imprevisíveis - caóticos, portanto. Parece assustador, mas é só dar uma olhada nos fenômenos mais casuais da vida para notar que essa idéia faz sentido. Imagine que, no passado, você tenha perdido o vestibular na faculdade de seus sonhos porque um prego furou o pneu do ônibus. Desconsolado, você entra em outra universidade. Então, as pessoas com quem você vai conviver serão outras, seus amigos vão mudar, os amores serão diferentes, seus filhos e netos podem ser outros...

No final, sua vida se alterou por completo, e tudo por causa do tal prego no início dessa seqüência de eventos! Esse tipo de imprevisibilidade nunca foi segredo, mas a coisa ganhou ares de estudo científico sério no início da década de 1960, quando o meteorologista americano Edward Lorenz descobriu que fenômenos aparentemente simples têm um comportamento tão caótico quanto a vida. Ele chegou a essa conclusão ao testar um programa de computador que simulava o movimento de massas de ar. Um dia, Lorenz teclou um dos números que alimentava os cálculos da máquina com algumas casas decimais a menos, esperando que o resultado mudasse pouco. Mas a alteração insignificante, equivalente ao prego do nosso exemplo, transformou completamente o padrão das massas de ar. Para Lorenz, era como se "o bater das asas de uma borboleta no Brasil causasse, tempos depois, um tornado no Texas". Com base nessas observações, ele formulou equações que mostravam o tal "efeito borboleta".

Estava fundada a teoria do caos. Com o tempo, cientistas concluíram que a mesma imprevisibilidade aparecia em quase tudo, do ritmo dos batimentos cardíacos às cotações da Bolsa de Valores. Na década de 70, o matemático polonês Benoit Mandelbrot deu um novo impulso à teoria ao notar que as equações de Lorenz batiam com as que ele próprio havia feito quando desenvolveu os fractais, figuras geradas a partir de fórmulas que retratam matematicamente a geometria da natureza, como o relevo do solo ou as ramificações de nossas veias e artérias. A junção do experimento de Lorenz com a matemática de Mandelbrot indica que o caos parece estar na essência de tudo, moldando o Universo. "Lorenz e eu buscávamos a mesma verdade, escondida no meio de uma grande montanha.

A diferença é que escavamos a partir de lugares diferentes", diz Mandelbrot, hoje na Universidade de Yale, nos Estados Unidos. E pesquisas recentes mostraram algo ainda mais surpreendente: equações idênticas aparecem em fenômenos caóticos que não têm nada a ver uns com os outros. "As equações de Lorenz para o caos das massas de ar surgem também em experimentos com raio laser, e as mesmas fórmulas que regem certas soluções químicas se repetem quando estudamos o ritmo desordenado das gotas de uma torneira", afirma o matemático Steven Strogatz, da Universidade Cornell, nos Estados Unidos. Isso significa que pode haver uma estranha ordem por trás de toda a imprevisibilidade. Só a continuação das "escavações" pode resolver o mistério.

Leia Mais...
0

Olhe Aqui, Mr. Buste

Vinicius de Moraes

Composição: Vinicius de Moraes

Olhe aqui, Mr. Buster: está muito certo
Que o Sr. tenha um apartamento em Park Avenue e uma casa em Beverly Hills.
Está muito certo que em seu apartamento de Park Avenue
O Sr. tenha um caco de friso do Partenon, e no quintal de sua casa em Hollywood
Um poço de petróleo trabalhando de dia para lhe dar dinheiro e de noite para lhe dar insônia
Está muito certo que em ambas as residências
O Sr. tenha geladeiras gigantescas capazes de conservar o seu preconceito racial
Por muitos anos a vir, e vacuum-cleaners com mais chupo
Que um beijo de Marilyn Monroe, e máquinas de lavar
Capazes de apagar a mancha de seu desgosto de ter posto tanto dinheiro em vão na guerra da
Coréia.
Está certo que em sua mesa as torradas saltem nervosamente de torradeiras automáticas
E suas portas se abram com célula fotelétrica. Está muito certo
Que o Sr. tenha cinema em casa para os meninos verem filmes de mocinho
Isto sem falar nos quatro aparelhos de televisão e na fabulosa hi-fi
Com alto-falantes espalhados por todos os andares, inclusive nos banheiros.
Está muito certo que a Sra. Buster seja citada uma vez por mês por Elsa Maxwell
E tenha dois psiquiatras: um em Nova York, outro em Los Angeles, para as duas "estações" do
ano.
Está tudo muito certo, Mr. Buster – o Sr. ainda acabará governador do seu estado
E sem dúvida presidente de muitas companhias de petróleo, aço e consciências enlatadas.
Mas me diga uma coisa, Mr. Buster
Me diga sinceramente uma coisa, Mr. Buster:
O Sr. sabe lá o que é um choro de Pixinguinha?
O Sr. sabe lá o que é ter uma jabuticabeira no quintal?
O Sr. sabe lá o que é torcer pelo Botafogo?

Leia Mais...
0

Rio, Guerra Civíl!



Não foi à toa a resposta dos governos ao narcotráfico!


O Brasil ocupa um papel importante no cenário mundial, comprovado isto como seria se os governos estadual e federal não dessem uma resposta convincente ao povo fluminense e ao povo brasileiro em relação ao crescimento do crime organizado e o combate ao mesmo?
Haja vista que o Brasil receberá a copa do mundo de 2014 e as olimpíadas de 2016 acontecerão no Rio de Janeiro, como responder aos ataques da mídia internacional?, principalmente no que diz respeito a capacidade do governo do próprio rio e do governo federal em ter sob controle o narcotráfico? Bem, a resposta é o que presenciamos na mídia durante todos estes dias, o estouro desta grande ação perpassa pelo orgulho ferido do estado brasileiro de mostrar ao mundo que aqui o estado não permitira a propagação de um "PODER PARALELO" e que o brasil não é mais relapso ao que acontece no Rio.
E como fazer para deflagrar uma guerra "sem motivo aparente real"? é simples, basta incendiar alguns carros e atacar os quarteis do tráfico que isso por si só seria o suficiente para instalar o caos. Não estou aqui defendo ou tentando inocentar o narcotráfico, mas trago esta reflexão, Por que os governos não haviam tomado antes esta atitude? pois não é de hoje que o povo do Rio vive com um fuzil apontado para a cabeça, sem paz e o que é pior sem a perspectiva dela.
É louvável a atitude tomada pelos governos, só gostaria que isto tivesse acontecido a mais tempo e por outros motivos, como por exemplo: preservar o direito de ir e vir de todos o cidadão daquele lugar.

Só temos que ligar o sinal de alerta, pois se o estado após uma operação destas se fizer ausente dos morros e comunidades, o crime vai volta, e vai voltar forte. É fácil constatar que o maior problema no Rio, assim como em todo o Brasil, é a falta de mais políticas públicas eficazes, no sentido de proporcionar a nossa juventude uma opção que não seja ganhar seu sustento marchando rumo ao crime organizado.
Autor: Diego Sousa
Leia Mais...
0

A SEPAQ não sabe pescar

sábado, 27 de novembro de 2010.

pira
A Secretaria de Estado de Pesca e Aquicultura (SEPAQ) é a responsável pelo parque aquícola de Breu Branco, no lago de Tucuruí, com orçamento de aproximadamente R$ 5 milhões, mas, a remada inicial do projeto já fez água.
Foram comprados alevinos para povoarem os tanques-rede, no valor de R$ 56.000,00, e os responsáveis pela vistoria não a fizeram.
Se fizeram, não estavam de óculos: todos os alevinos entregues não eram da espécie licenciada para a criação, a pirapitinga.
A desdita da pescaria tem consequências maiores: a ração comprada é para pirapitinga e como a validade da mesma é até dezembro e não se conseguirá comprar novos alevinos antes de fevereiro, perder-se-á também a partida.
Resumindo a pescaria, a desidiosa SEPAQ deitará fora os alevinos junto com 40 toneladas de ração, além de atrasar o projeto.


O texto acima é do Blog do Parsifal 5.0. É incrível como o (des)governo da Ana causou o desperdício de tanto dinheiro público. Volto aqui a lembrar dos R$ 20.000.000,00 jogados fora com o kit-escolar com a agenda do ano que só chegou em agosto.
Essa é a razão da perda do governo para o Jatene da forma que foi. Mais a Ana perdeu a eleição que o Jatene ganhou. Que o Jatene observe estes erros e não os cometa, a população está mais esclarecida e os políticos que não perceberem isso se tornarão parte do passado.

do blog do bruno marques:
http://dombruno.blogspot.com/
Leia Mais...
0

Português mau dizido que nimguém correge

Estasonamento?
Fonte: Blog do Diego Sousa

Ele está com a mão na cabeça, porque sabe que tem alguma coisa errada, ele tem esse pressentimento, ele não sabe exatamente o que seja, mas sabe que está estranho.

Leia Mais...
0

Próximas eleições

Falando com dois membros do PT sobre sucessão, escutei hoje que os três nomes para a prefeitura de Belém são Bordalo, Ganzer e Alfredo Costa.
Alfredo teve mais votos em Belém que os outros dois, na última eleição.
Perguntei sobre a possibilidade de Ana disputar o cargo, eles acham improvável; " A DS não tem força para isso, e sai desgastada junto ao PT, nem ela nem outro da corrente vão conseguir a vaga para o cargo", disseram.



Blog do Bacana
Leia Mais...
0

Uma Imagem Vale mais do que Mil Palavras


A força de vontade de Viver de nosso Vice-presidente José Alencar impressiona a todos. Confira o que disse o Presidente Lula ao Vice José Alencar em visita a ele no hospital Sírio Libanês:

"Nós subimos o Planalto Juntos e Vamos Descer Juntos". Lula.

do blog do diego sousa: http://blogdodiegosousa.blogspot.com/
Leia Mais...
 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |