NÍLSON CHAVES ( do blog do bruno marques)

terça-feira, 11 de janeiro de 2011.
O tempo parece ter redimido Nílson Chaves.
Causou frisson o seu apoio a Almir em 2006. Àquele o PSDB e o Almir representavam a truculência. A classe intelectual de Belém em peso apoio o PT e a Ana. Quando Nílson opta pelo apoio ao PSDB, experimentou a ogeriza e o ostracismo, principalmente porque a Ana ganhou, saiu de cenário. Voltou agora ao cenário paraense novamente, ocupará função de direção da Administração de Jatene.
A forma como Ana governou e os sérios problemas de corrupção de seu governo redimiram o compositor.
Jatene também tem a oportunidade de redimir o PSDB paraense, tirar de uma vez a mancha dos assassinatos da curva do S, deixá-los como herança somente de Almir.
 

daivid sousa disse...
Duvido muito que o Jatene ou qualquer outro do PSDB consiga redimir o que quer que tenha feito Almir e companhia, ate mesmo porque a truculencia e o desrespeito a classe trabalhadora fazem e são marca forte do PSDB onde quer que eles administrem ( governo de são paulo, Rio grande do sul, etc...)e sempre será assim, me faço a pergunta que fez o grande poeta carlos drummond de andrade, e agora josé? o PT não deu conta do recado e ainda por sima foi infeliz com um governo que desprestigiou a classe trabalhadora e temos de volta o PSDB, esse despensa qualquer comentario.
 

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |