Como havia dito antes...

quinta-feira, 24 de março de 2011.

A postagem que vocês leram abaixo foi escrita por mim quando fiz uma serie explicitando alguns problemas da democracia e agora vejo que tinha mais do que a razão, pois na noite de ontem o Supremo Piadal, opa quer dizer Supremo Tribunal Federal destituiu a validade da lei da ficha limpa para esta eleição e lhe atribuiu caráter valido apenas para as próximas eleições, o que quer dizer que múmias praticamente aposentadas da democracia Brasileira estarão de volta, Jader Barbalho é um exemplo disso, pessoas que foram eleitas para mudar um pouco o cenário da política como a Marinor estarão fora, peço a vocês que leiam as partes em negrito e reflitam sobre o que o Lino e eu Falamos nos comentários.  

O Problema da Democracia Parte Final

          Não é que eu tenha dado conta de descrever nestas V Partes os problemas que a democracia tem e os problemas criados pela democracia, mas sempre temos que encerrar um post e eu não poderia deixar de encerrar estes post sobre a "democracia" seja lá o que ela signifique, que não há problema maior deixado pelos governos democraticos do que o compadrio (isso me lembra algum prefeito de uma tal santa iza...) e a dependência que as pessoas criam dos políticos, ainda há quem diga: "nós não precisamos deles para tudo nós podemos fazer a nossa parte", mas entenda-se que fazer a nossa parte para por aí mesmo em fazer a nossa parte e quem dá conta de voltuosas somas em dinheiro, das leis, da "ordem", da saúde, da educação, da segurança, etc... não é você são eles que pelo menos deveriam tentar fazer isto. Quando digo que não acredito no sistema democratico ocidental e que a republica é um sistema falido de democracia eu quero dizer que nas democracias ocidentais e orientais tudo se resume a acordos, negociatas e segredos, não é isso e não é mesmo isso que o povo quer, mas enfim o sistema democratico perpetua essa cambada que está por aí e nós é que temos o papel de muda-lo.

2 Response to "O Problema da Democracia Parte Final"

  1. Já foi dito (e provado), que não há regime político ideal. No caso nacional, por que não adicionar uma lei, que vise melhor selecionar os cnadidatos? Aqui mesmo em nossa terra, já vi uma cidadã (eleita duas vezes ?), que não sabia distinguir os termos TRÁFEGO e TRÁFICO. Para ela, tudo se relacionava a traficante. Pessoas assim,obviamente, são mais fáceis de manipular,
    A Lei Ficha-Limpa,já é um bom começo.


    Não falo de um ideal que não há quem não viva sem um, mas sim de uma barreira tenue entre o que é certo e o que é errado, que no nosso regime no regime democratico elas paressem ter deixados de existir. Outra coisa, há muita gente por aí que não sabe o velho Português culto e nem por isso vive metendo a mão no que é dos outros e sabe muito bem o que é "bom e o que é ruim".

    Conclusão: Os que tem crença no absurdo diram: Isso é um duro golpe na democracia.
                     Os históricistas diram: Isto é uma mancha na história do Brasil.
                     Os que realmente se importam farão a revolução.

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |