Governadores na Mira da justiça.

domingo, 27 de março de 2011.
             Acusados de abuso de poder econômico, político, compra de votos e de usarem indevidamente de meios de comunicação, os governadores do Acre, Tião Viana (PT); do Amazonas, Omar Aziz (PMN); de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB); do Piauí, Wilson Martins (PSB); do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini (DEM); de Roraima, Anchieta Júnior (PSDB), e do Tocantins, Siqueira Campos (PSDB) serão julgados pelo TSE (Tribunal de Justiça Eleitoral). Acusações como estas já custaram os mandatos de três governadores eleitos em 2006 e que perderam o mandato.
            Apesar de alguns terem perdido o mandato, é muito difícil que qualquer dos atuais governadores percam os seus mandatos também.
            "Eu conheço a maioria dos casos e acredito que não vão prosperar", disse o presidente do PSDB, Sérgio Guerra (PE). "O importante é não deixar esse tipo de questionamento vivo."
É claro que as cassações ocorrem quando há algo, para não dizer alguém por trás precionando, nesse sentido os governadores da Paraíba, do Maranão e Tocantins perderam o mandato antes de encerrado o pleito 2006/2010.
            "Naturalmente existe um fator político, no sentido de desestabilizar o governo do adversário", disse o advogado Campos. "Algumas vezes é choro de perdedor."
            Em Roraima, o governador Anchieta Júnior já perdeu seu mandato, cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Ele recorreu ao TSE, que concedeu mandado de segurança suspendendo a decisão. No Acre e no Amazonas, as ações foram iniciadas pelo Ministério Público Eleitoral (MPE).

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |