O Anarquismo em Poucas Palavras VI Parte

terça-feira, 15 de março de 2011.
E a Democracia?

Termos como 'democracia' foram extremamente difundidos como sinômino de participação e poder de decisão das pessoas. Nada mais falso.
Bob Black, um anarquista norte americano, afirma que "se 'democracia' significasse pessoas terem controle de suas próprias vidas , então os anarquistas seriam os únicos democratas verdadeiros". Mas 'democracia' de maneira alguma significa "pessoas cuidando de suas vidas". O filósofo frances Rousseau escreveu que na democracia as pessoas são livres apenas no momento do voto, no resto do tempo as pessoas são escravas dos governos( uma opinião bem moderada por sinal).
Delegar a outras pessoas o poder de controlar e de decidir as nossas vidas nao é de maneira alguma algo inteligente a se fazer, pois o mesmo governo que elegemos, nos piores dos casos, pode decidir colaborar com uma guerra e muito possívelmente voce não concordaria que seu filho ou mesmo você fosse para uma guerra (matar outras pessoas que nem você e seu filho), sem dizer que esta guerra com certeza não representaria seus intereses ( a não ser que você seja um capitalista que lucraria muito com a guerra, ou um estadista que teria seu poder extendido a outra regiões e populações). Vale lembrar que certamente existem maneiras melhores de resolvermos nossas divergências do que declarar uma guerra!
Em outros casos mais comuns os governos e pessoas eleitas democraticamente podem tomar decisões que não agradam certas pessoas ou certos grupos de pessoas, e numa democracia não existem mecanismos para a recusa das decisões governamentais ou então para a manifestação efetiva de seus descontentamentos, os descontentes terão que esperar a proxima eleição.
O sentido que é atribuido a palavra 'democracia' como sistema de governo onde temos opção de escolha é algo muito deturpado e mal explicado. Nossas vidas acontecem aqui e agora, elas mudam inesperadamente, as situações e problemas que enfrentamos como individuos e como comunidade surgem a todo momento, não faz sentido optarmos pelo destino de nossas vidas de tempos em tempos. Nossa vida é aqui e agora, temos que cuidar dela todo o dia.
Muitas vezes certas decisões devem ser tomadas imediatamente, outras questões maiores podem e devem ser debatidas, e maneiras diferentes de lidar com certas questões e problemas podem surgir.
Os anarquistas possuem muitas idéias sobre como as decisões podem ser feitas numa sociedade verdadeiramente cooperativa e voluntária. A maioria dos anarquistas (principalmente os anarquistas-verdes) acreditam que as comunidades locais devam ser pequenas o suficientes para que as pessoas se conheçam, ou ao menos onde as pessoas possam compartilhar laços familares, de amizade, opinião ou interesse com todas as pessoas. E devido ser uma comunidade local, as pessoas dividiriam conhecimentos em comum sobre suas comunidades e seus ambientes. As pessoas saberiam que conviveriam com as consequências de suas escolhas e decisões. Diferentemente dos burocratas e políticos, coordenadores e dirigentes, que vivem aparte da vida da comunidade e decidem a vida de e para as outras pessoas.

"Qualquer pessoa que decida organizar a minha vida por mim nunca podera ser meu camarada."
Alfredo Bonanno - O prazer Armado

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |