Existo?

domingo, 17 de abril de 2011.
E eis que morro
E eis que nem estive aqui
Minhas lembranças são puro sonho

Lembranças de uma vida
E não sei se vivi se morri
Se estive por aqui se Existi

Paradoxo: céu e inferno
Sou eu
Se existo;
Sou bom sou mau
Sou rico sou pobre
Sou criança sou adulto
Sou bicho, isso e aquilo

Sono, sonho e louca fatasia
Fantasma da realidade delirante
E gritam nos meus ouvidos
E mexem com meus sentidos
Não os tenho nunca os tive

Aqui estou e nunca estive
Eu não existo...

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |