Antes das Eleições Parte Final!

sexta-feira, 6 de maio de 2011.

Ano que vem tem eleições para Prefeito e para Vereador em todos os municípios do Brasil, significa dizer que em Santa Izabel vai ter eleições também, mas como por aqui as coisas são meio diferentes estou me reportando aos que vão votar ano que vem, que vocês prestem bastante atenção, meçam as propostas de cada candidato, veja se quem está hoje lhe representando realmente merece renovar o mandato, se o cara não fez o que prometeu, por que iria mudar e começar a fazer agora, num novo mandato? veja bem como está a nossa cidade e que se algo vai realmente mudar ou não, se a proposta de administração que está no governo a oito anos vai fazer algo a mais, se não verifique as propostas, debata com os seus vizinhos, amigos, professores, comunidade, etc. veja o que eles acham, não vote com duvidas. Fique de olho aberto vai ter muita gente querendo parir o filho que não teve em oito anos, não caia no conto do vigário, seja mais esperto que eles, não se deixem iludir. Estas coisas que estou dizendo valem para todos os eleitores do Brasil mais especificamente de Santa Izabel.

Bom... Feitas minhas colocações vamos a ultima pauta, Juventude. A questão da Juventude em nosso município assim como em todo o território nacional é preocupante e digo isso porque não se tem uma política publica de estado que leve em conta a juventude como construtora e mantenedora não apenas do futuro, mas do hoje, do agora, do já, nós fazemos a roda da história se movimentar. As políticas publicas quando existem são de governo, o que nos leva a entender que logo que esse governo termine está política pode desaparecer (vejam Belém Edmilson saiu da prefeitura e os projetos como a escola circo sumiram) e há outro dado que costa que é a certa ineficiência das políticas para a juventude que existem pelo simples fato delas serem em muito restritivas. Aqui em Santa Izabel, lembro com pesar o dia em que uma jovem menor que circulava na rua parou para nos pedir uns trocados e meu irmão começou a perguntar a ela se ela tinha família, por que estava na rua, onde estavam seus responsáveis? ao que ela respondeu que estava na rua, pois o pouco que a mãe ganhava não dava para suster a casa e que ela e o irmãozinho pediam, o pai ela não sabia se existia, e ela ainda disse a ele que quando estava com muita fome ela chupava uns caminhoneiros para conseguir comida (neste dia vi meu irmão muito triste e pensativo), este é apenas um dos muitos retratos da falta de uma política pública que chega a essas casa, a esses jovens, a essas famílias e algo precisa ser feito de imediato. Lembro-me que nas eleições passadas nós, eu, Diego, Márcio, Alcides, defendíamos a criação de uma Secretária Municipal de Juventude, idéia está aceita por quase todos os candidatos, exceto o atual prefeito que na época nem quis ouvir a proposta. Hoje com a mudança de ordem ideológica é até obvio que não concordaria em fazer parte do estado, mas para quem acha que há alguma mudança com isso a secretária continua sendo uma boa proposta. No ano passado fui a Fortaleza participar do encontro das juventudes da America latina e em fortaleza existe uma secretária de juventude forte e atuante, criando oportunidades e dando a chance para quem antes não tinha. A população de eleitores jovens do município é de 17.300 de um total de 34.971, ou seja, somos quase a metade do eleitorado do município, cabe aos eleitores jovens indicar nas próximas eleições quem serão o prefeito e os vereadores, por tanto, me reporto a vocês eleitores jovens vejam o que está sendo feito por eles na nossa cidade e leiam atentamente cada proposta, para decidir com cautela quem irá governar nossa cidade por quatro anos.

O episódio da menina aqui relatada aconteceu em outubro do ano passado.

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |