Ensinamentos do Tao

terça-feira, 17 de maio de 2011.


"As palavras verdadeiras,
nem sempre são agradáveis".

As palavras corretas nem sempre são agradáveis.

As palavras agradáveis geralmente não são corretas.

Os homens sábios jamais discutem.

Os que discutem estão mal informados.

O homem sábio não fala muito.

O sábio não é necessariamente instruído.

O instruído não é necessariamente sábio.

O sábio nada possui, nada mantém na memória, mas serve a todos e com isso tudo possui.

Já que continuamente se dá a todos; no fim, conquista o que nunca desejou.

O caminho Perfeito conduz ao Céu, é sempre benéfico e não conduz qualquer mal.

O sábio é o que segue o Tao, o que possui pratica a inação e com isso serve aos outros

E jamais será a causa de uma luta inglória.

...
O discípulo precisa saber que o Mestre não é necessariamente um erudito, mas sim um sábio.
O mestre deve saber que civilização e progresso técnico nem sempre representam verdadeira sabedoria.
O Mestre sabe que poucos são os que suportam palavras de verdade.
O Mestre sabe que muitos são os discípulos que procuram conselhos mas o que eles na realidade desejam é aprovação para seus atos.
O mestre deve saber que é mais importante agir sabiamente em relação ao que está acontecendo do que tentar explicar tudo em termos de teorias.
O Mestre auxilia sempre o discípulo a buscar o seu próprio êxito.
O mestre deve saber que êxito é algo que existe suficiente para todos, portanto não é preciso retê-lo para si em detrimentos dos discípulos.
O mestre deve saber que os sucessos dos discípulos são contabilizados como êxito do mestre.
É tão difícil para o sábio adquirir riquezas como é difícil para o rio adquirir sabedoria.

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |