Explicando o Ocorrido

sábado, 7 de maio de 2011.
Gostaria de explicar os motivos e as razões que fizeram exaltar-me contra o cidadão entitulado "Carlos" e responder a matéria do blog do Bruno Marques, Como é isso?, a matéria vai abaixo e as minhas explicações em seguida, leiam:

COMO É ISSO?

4 de maio de 2011 12:56
AINDA BEM QUE TÚ SABES QUE ES IMUNDO E POBRE ES UM IMBECIL FALAS O QUE OS BRURROS COMO TU FALASA SEU PALHAÇO DESPEITADO NÃO TEM REMEDIO PARA DOR DE COTUVELO SEU FÚKKKKKKKKKK
4 de maio de 2011 13:08
LAVA A TUA BOCA QUANDO FALARES NO SENADOR JADER BARBALHO NÃO MORE SE TU MORRERES NÃO VAIS VER MAIS LAMBADAS EM VCS KKKKKKKKKKK
4 de maio de 2011 23:26
Vixe, tô dizendo... Aparece cada maluco aqui pelo blog... Agora falando sério, foram pessoas com o pensamento igual ao desta mula aí de cima que me fizeram questionar aos razões de um estado democrático, ora, aqui se trata da conduta moral de uma pessoa que nem conduta tem e mais vai dar lambada em quem? Se... sou anarquista seu jegue! Por tanto, faço aqui no blog uma análise política imparcial, fora de mim ou de minha parte querer vencer ou derrotar alguém, o que eu quero é uma sociedade livre de verdade, onde calhordas como vc e ele terão o direito que lhe cabem como cidadão livre, mas não irão usar suas regalias para fazer o povo de palhaço e o mesmo povo é sempre o mais humilde que se dana com isso. E pra finalizar falo o que quiser e a hora que quiser quando me der na telha, vivo num país "livre" e "democrático" que me permitem fazer isso, até é claro, aparecer algum doidão pensando ser dono da verdade e querer mudar isso...
COMENTÁRIO DO BLOG DO BRUNO MARQUES:
Arre égua! Não há propósito em se ter esse nível de debate, centremo-nos nas ideias, nas abstrações intelectivas. Viva o bom debate! O que caracteriza cada ser humano é a sua individualidade, sua subjetividade , cada um tem suas ideias, seus pontos de vista, não precismos nos indispor por causa disso. Cada um tem sua verdade, não devemos impô-la na marra.


Caro blogueiro e demais leitores , certo que realmente me exaltei um pouco, mas veja você, entra uma pessoa que tenho quase certeza de ser um assessor do prefeito e me faz um monte de insultos desses, primeiro não sou imundo tomo três banhos todos os dias, segundo sou realmente pobre e tenho muito orgulho disso, terceiro, imbecil sou às vezes quem não tem seus momentos de imbecilidade? Eu mesmo tive um desses quando resolvi responder a essas asneiras, quarto burro do modo como o cidadão me fala não sou não e nem palhaço, apesar de achar a profissão muito digna e para finalizar acho que estando em um estado de "direito" tenho o dever de falar e expor o que penso se ele ou outra pessoa não gostar posso fazer o que? Meu propósito é apenas um, tentar transformar o blog como um canal para a discussão das mazelas sociais as quais tanto luto contra e se figuras como a de Jader Barbalho figuram no meio do debate fazer o que? O tal político que o cidadão diz para eu lavar a boca é o mesmo que foi acusado de envolvimento nas fraudes da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), no desvio de recursos do Banco do Estado do Pará (Banpará) e pelas operações fraudulentas com os Títulos da Dívida Agrária. Corre em segredo de Justiça o Inquérito nº 2909, que apura o envolvimento de Jader Barbalho em crimes contra a ordem tributária. As denúncias nesse processo vão da sonegação no recolhimento de impostos como pessoa física e pessoa jurídica, até a entrega de declarações fraudulentas à Fazenda Estadual e à Receita Federal. Segundo dados da Receita Federal, Jader está devendo cerca de R$ 2 milhões e 800 mil ao Fisco, resultante de uma série de artifícios para deixar de recolher o Imposto de Renda. Nessa fiscalização, a Receita descobriu várias irregularidades, que vão da venda simulada de gado à existência de frigoríficos que não tinham nenhum registro contábil, em 2001, Jader Barbalho renunciou ao mandato de senador para escapar de processo investigatório que poderia levar à sua cassação, o que o tornaria inelegível por dez anos. Nessa época, vieram à tona as gravíssimas denúncias sobre o tráfico de influência por ele exercido e desvios de recursos públicos em vários órgãos sob sua influência direta. Ainda tem a Ação Penal 336, por emprego irregular de verba pública, a Ação Penal 398 por Peculato, a Ação Penal 339 por crime contra o sistema financeiro nacional, a Ação Penal 397 por falsidade ideológica, formação de quadrilha, estelionato e crime de lavagem, a Ação Penal 374 de crime contra a administração em geral. O “senhor” Jader Barbalho omitiu na Justiça Eleitoral a propriedade de 50% da empresa Rádio e TV Tapajós Ltda. Em 2001, Jader tornou-se sócio da empresa, localizada no município de Santarém. No documento de alteração contratual, ele passou a ter 50% do capital. Desde então este documento permaneceu dentro de uma gaveta, não sendo formalizado na Junta Comercial do Pará. Obviamente, nada sobre o fato foi declarado para a Receita Federal ou para a Justiça Eleitoral e é desta pessoa que o tal Carlos manda eu lavar a boca para falar, brincadeira né? E sem graça, a ficha corrida deste cidadão dava para preservar a metade da Amazônia que foi provavelmente desmatada para imprimir tudo isso, no mais, tudo dito.
 

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |