No R.U.

domingo, 21 de agosto de 2011.

Fui ao restaurante universitário da UEPA e eis que lá ouvi uma conversa entre duas professoras que explicam muito se não tudo do que ocorre com o problema de “falta” de professores no curso de Pedagogia.
Explicando em miúdos o que eu ouvi delas foi o seguinte:
Primeiro não falta professores no curso de pedagogia assim como não falta professor em quase nenhum curso no campo, o que ocorre é que os professores ainda não voltaram das férias, é isso mesmo, os professores ainda não retornaram das férias o que explica o porquê ninguém mostrou o quadro com os professores lotados.
Segundo como os alunos não conseguiram mostrar as dezessete turmas de pedagogia que estam sem professor isso deu garantia para que assim pudessem “esconder” o quadro com os professores gazeteiros.
Terceiro por que não colocam falta e determinam o imediato retorno dos professores as salas de aula? Segundo o que ouvi das professoras no RU isso ocorre por conta do “compadrio” e ninguém teria a coragem de “denunciar” ou “caguetar” um companheiro de profissão.
Para terminar este como tantos outros problemas na UEPA são de ordem política e sua solução também é de ordem política, primeiro quem são esses professores que não retornam das férias? Segundo quais as turmas estão sem professor? E por ultimo acontece é que como esse sistema é antigo a quem diga que não sabem mas nem como é que se faz pra dar falta em um professor.

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |