Sumiço de documentos e morte de bebês. Blogueiros indagam e exigem respostas

quarta-feira, 31 de agosto de 2011.
Manchete do jornal "O Liberal" de hoje : "Morre bebê que nasceu em táxi à porta de um hospital". Casa de Saúde Santa Clara negou atendimento. O bebê morreu 72 horas após nascer de parto prematuro. A mãe, Carliane Nunes, registrou ocorrência policial contra o hospital que se recusou a atendê-la.
==============
Com mais essa prova patente da falta de atendimento básico  do Estado a mães grávidas, deixo aqui indagações  sobre a morte dos bebês, feitas pelo blogueiro e deputado federal Cláudio Puty, em seu blog:


Perguntas sobre a morte dos bebês na Santa Casa


  • Quem mandou fechar os portões da Santa Casa em uma  situação envolvendo claro risco de vida à mãe e aos bebês?
  • Qual o motivo do afastamento da Delegada Perpétua da investigação? Teriam sido suas declarações de que há indícios de Omissão de Socorro por parte do Estado? 
  • Por que levar a investigação para a DIOE, comandada por parente do deputado Manoel Pioneiro (PSDB)? Em ambas alternativas, seu afastamento não constituiria uma tentativa por parte do governo em cercear os resultados de uma investigação isenta?
  • Porque só a direção da Santa Casa foi afastada se a mãe também foi rejeitada no Hospital das Clínicas?
  • E a Nova Santa Casa, cujos recursos em caixa e obra em andamento foram deixados por Ana Julia para o novo governo inaugurar?
Não acho mesmo que devamos partidarizar o caso - a situação da saúde no Pará é grave. Gostaria apenas que o PSDB e seus aliados, como o PPS e DEM tivessem tido durante o governo Ana Julia o mesmo comportamento que agora advogam.
==================

Todos os homens de Simão Jatene

E o também blogueiro e educador, ex-secretário de Educação no governo da companheira Ana Júlia, Luís Cavalcante, indaga em seu blog, acerca do sumiço dos 52 processos processos fraudulentos na Alepa, que lembra os filmes "O Assalto ao trem pagador" e "Todos os homens do presidente":

  • Uma operação cinematográfica semelhante a que levou ao furto dos tais documentos e destruição de informações eletrônicas que incriminariam o stafe peessedebista-peemedebista poderia ser realizada sem o prévio conhecimento dos chefes dos dois principais poderes republicanos paraense?  
  •  Quem são os principais beneficiários do sumiço dos processos e os mais interessados em abafar as investigações em curso?

  •  o governador do Pará sabia das operações ilegais realizadas na ALEPA?
O Povo do Pará espera que a investigações do caso cheguem aos autores e, principalmente, aos seus mandantes.
Espera, ainda, que o promotor Azevedo aja como Bob Woodward e Carl Bernstein, dois repórteres do Washington Post, que começaram a investigar do caso Watergate e que suas investigações responda uma questão que deve fazer balançar o ninhal tucano: o governador do Pará sabia das operações ilegais realizadas na ALEPA? 

Leia todo o post aqui 
 

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |