Minhas Origens

sábado, 19 de novembro de 2011.
Égua mano... Tava de bubuia no busão, depois de uma tarde pai’dégua na universidade, doido pra chega no meu barraco pra atar a rede quando de repente topei com um pêquenozinho lá dê Belém que cismou que eu era Japonês, aí eu virei e falei: - mais quando já? Eu sou dê Santa Izaber do Pará!
Vixe... Já virou corriqueira a confusão que a galera faz quando me vê sorrir ou rir e vão logo concluindo que eu sou Nipônico, mas não sou não. Não que eu tenha alguma coisa contra, pelo contrario, muitos amigos que tenho são de origem Japonesa e sempre me relacionei muito bem com eles, mas tenho que ser fiel a história de minha família.
A minha origem remonta a Portugal onde se criaram meus tataravós e de onde partiram meus bisavós ainda jovens para o Brasil, em seguida aqui no país conheceram meus ancestrais mais a Brasileira que naturalmente vieram do Nordeste, em especial o Ceará, de onde partiram os fundadores desta amada urbe, já no Pará encontraram com outros parentes de origem indígena e Negra.
Portanto, os traços de olhos repuxados que tenho são herança Indígena e não Japonesa. São assim as minhas origens Português + Negros + Índios = Tiago Sousa.
A origem do vixe, oxente e outras palavras de natureza nordestina vêm do convívio com minha avó que carrega até hoje a lingüística e me deu de presente e por isso vira e mexe elas entram em textos meus.  
Tenho muito orgulho de minhas origens. Então, por favor, não me confundam com Japonês, eu sou misto de Índio, Português e Negro. 

Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |