2

Fundamentalismo

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012.

O fundamentalismo é uma “coisa”. Todos os dias nós estamos vendo e ouvindo falar de atitudes violentas por parte de grupos religiosos que se enfrentam em busca de espaço, de resistência, de sobrevivência ou simplesmente por estarem em disputa no hoje tão competitivo mercado da fé. Basta você ligar a TV, ler um jornal, ouvir um rádio ou ler um blog/site de noticias que verá no mundo inteiro, católicos x protestantes; pentecostais x neo-pentecostais; cristãos x Afro-Brasileiros; Budistas x Bramanistas, enfim... A lista é grande e o impacto na sociedade dessas lutas entre religiões e religiosos aflige toda a sociedade.
Vi lá no blog do amigo “FER” que uma decisão da justiça Iraniana porá fim a vida de um muçulmano convertido ao cristianismo simplesmente porque ele “abandonou a fé islâmica”. Eu como pesquisador desta abrangente área das religiões acredito que este tipo de posicionamento é verdadeiramente preocupante porque acaba por reforçar muitos estereótipos e causa uma aparência de certeza da imagem do Islã no mundo ocidental que já é por si só destrutiva, os acontecimentos de grupos fundamentalistas e as ações como os atentados acabaram por formar uma imagem que não condiz com o total da realidade desta religião. Enfim...
Vai o vídeo abaixo, reflitam e tirem suas conclusões da situação:  

Leia Mais...
0

Violência no Pará

O Pará continua acumulando primeiras colocações em coisa ruim. A BR-316, no trecho metropolitano, é a estrada federal mais violenta do país. O Pará é campeão de crime contra jovens e adolescentes. Todos os dias pessoas são executadas nos municípios que circundam Belém e sempre pelo mesmo método.
O Governo, no lugar de encontrar soluções para dar tranquilidade e paz a população, resolveu brigar com os números. Os números que atestam a violência no Brasil são apurados pelo Instituto Sangari e a metodologia é uma só para todo País, aprovada pelo Ministério da Justiça.
O melhor a fazer é usar o números do Sangari como referência e cobrar mais ação dos órgãos públicos de segurança, integração de políticas públicas nas áreas sociais, de esporte e de cultura. Que tal o Governo criar cinco centro esportivos e espalha-los estrategicamente pela Região Metropolitana? Envolvam a juventude em programas esportivos e culturais de grandes proporções, isto pode ajudar a reduzir os índices de violência.
O Propaz é um pequeno e bom programa, mas não se pode esperar que dele surjam as soluções, é muita responsabilidade atribuir-lhe o papel central de coordenar as políticas públicas de combate a violência, muitos fatores desaconselham esta solução, e nem se pode usar o Dieese para esta tarefa de confrontar os números, não vai funcionar, o próprio Roberto Sena não aceitará pagar este mico.
Governador Simão Jatene, por favor, faça alguma coisa urgente, use sua inteligência e a credibilidade conquistada nas urnas para evitar que mais pessoas, com as crianças de icoraci e o adolescente de Mosqueiro morram todos os dias, vítimas da violência urbana que se instalou no Pará e não é de hoje.
Leia Mais...
0

Para FHC, disputa em SP ‘revitaliza’ Serra e não o tira do páreo presidencial

Ex-presidente acha correta decisão do tucano de candidatar-se à Prefeitura de São Paulo e afirma acreditar que opção ‘não significa que ele não possa ser outra coisa’ no futuro

 

 NOVA YORK - A candidatura de José Serra à Prefeitura de São Paulo permitirá a ele "voltar à cena política com força" e foi a decisão mais adequada para o ex-governador e para o PSDB, afirmou na segunda-feira, 27, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso em entrevista exclusiva ao Estado. "Dá a chance para o partido ganhar e dá a ele uma revitalização política", analisou o ex-presidente. 

 

 

Segundo FHC, a eleição para prefeito não significa que o ex-governador abandona o projeto de disputar a Presidência no futuro. "Política é uma coisa muito dinâmica. Tem sempre a cláusula de prudência. Política não é uma coisa em que os horizontes se fecham", disse, ao comentar sobre a possibilidade de o tucano, mais uma vez, deixar um cargo para se candidatar a outro, como aconteceu quando era prefeito e governador de São Paulo.
O ex-presidente falou com o Estado em Nova York, onde lidera uma comitiva de 12 CEOs de empresas brasileiras ligadas à Comunitas, entidade criada por Ruth Cardoso para incentivar o investimento social corporativo.
O anúncio da candidatura de José Serra à Prefeitura não esvazia as prévias do PSDB?
Não estou no Brasil e não acompanhei de perto esta evolução. Quem está coordenando é o governador Geraldo Alckmin. Agora, o peso eleitoral do Serra é de tal magnitude que eu acho que o partido vai se ajustar à realidade política.
Mas não faltam caras novas no PSDB? Afinal, há anos Serra e o Alckmin se revezam em candidaturas em São Paulo. O PT tenta essa renovação agora com Fernando Haddad.
As prévias foram uma tentativa nesta direção. Mas quando você tem alguém com a densidade política do Serra, que se disponha a ser candidato a prefeito, do ponto de vista do PSDB há uma importância estratégica porque existe realmente viabilidade de ganhar São Paulo. 
Leia Mais...
0

Valores

Leia Mais...
0

Frases e Provérbios

A OBIDIÊNCIA É UMA VIRTUDE? "A obediência nas sociedades modernas é um vício mais repugnante que uma virtude cristã. Todas as atrocidades da guerra são consequências diretas de alguém que obedece em lugar de pensar."
Alex Comfort.
Leia Mais...
0

Lista dos Fixa Suja

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012.
Olha aí, me mandaram a lista com o nome dos ficha suja de todo o Brasil. Se você conhece alguém da lista e mora na região onde o cidadão se candidata divulgue a lista faça com que todos vira do conhecimento de todos quem são e o porque eles estam na lista. A lista:

Leia Mais...
0

Netão e a luta contra a Obesidade

Conheço o Neto desde que tinha 8 anos de idade, vi por muitas vezes o preconceito que ele sofreu por ser obeso, as vezes mesmo criança sem ter a compreenção do que é preconceito ficava revoltado com o que costumeiramente acontecia, por diversas vezes vi sua luta na tentativa de emagrecer, uma das últimas que me recordo foi quando ele passou a caminhar do centro da cidade até a Vila de Caraparú, distante daqui 9 KM. Força de vontade nunca lhe faltou, o Netão (para os íntimos) é um cara sençacional e com muito prazer conto sua história aqui, aproveitando o ensejo para pedir que os amigos blogueiros Izabelenses e de todo o estado e país que acessam este blogue reprduzam esta matéria ou criem a sua a fim de promovermos uma grande campanha na blogosfera, peço também para quem puder que deposite qualquer valor na conta abaixo ou entre em contato com ele para que em fim ele e sua familia gozem de dias melhores, acima o baner com a conta e os contatos e abaixo a matéria feita pelo Diário On Line (DOL):


Ayres Lopreto Neto, 29 anos, morador de Santa Izabel do Pará, luta desde a infância contra a obesidade mórbida. Com uma cirurgia de redução de estômago já agendada, o jovem tem o desafio de perder peso para passar pelo procedimento sem correr grandes riscos de complicações. Ayres está pesando 220 kg e a única solução para sua perda de peso é o implante de um balão gástrico. O jovem entrou em contato com a redação do DOL e fez um apelo. Ele informou que seu plano de saúde não cobre esse procedimento, orçado em mais de R$ 8 mil, e pede ajuda para quem puder contribuir com sua recuperação.
"A única solução para o meu caso é a cirurgia bariátrica. Em janeiro, recomecei um tratamento intenso para diminuir de peso", conta Ayres. O rapaz aguardou durante quatro anos pela cirurgia no Hospital Ophir Loyola e descreve a espera como "aterrorizante". "Cumpri várias etapas e, algumas vezes, fui liberado para a cirurgia, mas sempre tinha alguém que passava na minha frente", desabafa. Recentemente, ele conseguiu adesão a um plano de saúde particular, o que lhe abriu uma nova esperança.
DIFICULDADES
Pai de família, o jovem enfrenta várias dificuldades por seu excesso de peso. Uma delas é conseguir emprego. "Consegui me formar em Contabilidade no início deste ano, após ter abandonado o curso várias vezes. Mas preciso me empregar. Já cheguei a fazer testes, mas nunca fui chamado", relata.
Ayres também lembrou das dificuldades que ele, assim como outros obesos, passa no espaço público. “Não tem lugares apropriados para eu sentar nos locais públicos. Se eu quiser ir a qualquer lugar e ficar sentado, preciso levar minha cadeira”, conta.
Outro momento difícil é enfrentado nos ônibus de Belém. "Já passei por vários constrangimentos. Quando andava de ônibus, às vezes o cobrador ou motorista pensavam que eu não queria pagar a passagem, porque eu pedia para subir pela frente", lamenta.
O jovem quer ter uma vida normal e diz que a cirurgia traria de volta a sua liberdade. O maior sonho de Ayres, além de emagrecer, é o que para muitos pode parecer bem simples: correr na chuva.
Leia Mais...
0

Farc anunciam fim dos sequestros

As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) anunciaram neste domingo (26) que libertarão unilateralmente 10 prisioneiros de guerra e que a partir de agora os sequestros estão proscritos.

"Queremos comunicar nossa decisão de somar à anunciada libertação dos seis prisioneiros de guerra, a dos quatro restantes em nosso poder", assinala o grupo insurgente em comunicado divulgado neste domingo.



O comunicado destaca que muito se tem falado acerca das detenções de pessoas, homens ou mulheres da população civil, que efetuam com fins financeiros para manter a luta.


"Com a mesma vontade indicada acima, anunciamos também que a partir de agora proscrevemos a prática das detenções em nossa atuação revolucionária", sublinha a guerrilha.


Chegou a hora de começar a esclarecer quem e com que propósitos seqüestra hoje na Colômbia, agrega.


Em outra parte do comunicado, as Farc também solicitam que Marleny Orjuela, porta-voz do grupo da sociedade civil Colombianos e Colombianas pela Paz (CCP), receba os detidos que serão libertados.


Com esse efeito, expressa o texto, anunciamos ao grupo de mulheres do continente que trabalham ao lado do CCP, que estamos prontos para fazer o que seja necessário para agilizar este propósito.


Igualmente, a guerrilha agradece a disposição generosa do governo brasileiro, presidido por Dilma Rousseff, e assinala que aceita sem vacilação a participação brasileira no processo para as citadas libertações.


O grupo insurgente manifesta também sentimentos de admiração para com os familiares dos soldados e policiais em seu poder.


"Jamais perderam a fé em que os seus recobrariam a liberdade, mesmo em meio ao desprezo e indiferença dos distintos governos e comandos militares e policiais", afirmam.


Comissão internacional


As Farc celebram ainda os passos que vêm sendo dados rumo à conformação de uma comissão internacional que verificará as denúncias sobre as condições subumanas de reclusão em que vivem os prisioneiros de guerra e sociais nos cárceres do país.


Esperamos que o governo colombiano não tema e não obstrua este legítimo trabalho impulsionado pela comissão de mulheres do continente.


A dirigente política e social brasileira Socorro Gomes, presidente do Conselho Mundial da Paz, integra a comissão e se encontra na Colômbia onde participa do fórum Colômbia entre grades, em busca de um caminho para a liberdade e a Paz, evento organizado pelo grupo humanitário Colombianos e Colombianas pela Paz.


Durante esta semana, a comissão inspecionará cárceres colombianos e verificará as condições carcerárias em que vivem os prisioneiros políticos e de guerra.


Socorro Gomes declarou ao Vermelho que “é importante abrir os caminhos para a paz, a liberdade e os direitos humanos na Colômbia”. A ativista brasileira assegurou que ela e demais mulheres dirigentes políticas e sociais latino-americanas “estão à inteira disposição para apoiar o chamamento à negociação e à paz feito pelo grupo Colombianos e Colombianas pela Paz”.


A presidente do Conselho Mundial da Paz diz “estar convencida de que é indispensável encontrar uma saída negociada para este longo conflito armado pelo qual atravessa o país. A humanidade anseia a liberdade, a justiça e a paz”.


Socorro Gomes também chamou a atenção para a interferência do imperialismo estadunidense na América Latina: “não aceitamos que o imperialismo estadunidense e seus aliados venham militarizar nossos territórios com o argumento de combate ao narcotráfico".


"Este é o pretexto que utilizam - diz Socorro - , assim como o combate às forças insurgentes, para ampliar sua presença militar em nosso continente através da instalação de bases militares e do famigerado Plano Colômbia. Reafirmamos uma vez mais que rechaçamos com veemência as bases militares estrangeiras em nosso continente”.


A militarização não traz segurança para nossos povos e nações, o que ela faz é desrespeitar a soberania de nossos países e os direitos humanos de nossos povos.


Governo colombiano


Por sua vez, o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, disse que valoriza o anúncio das Farc mas o considerou insuficiente.


"Valorizamos o anúncio das Farc de renunciar ao sequestro como um passo importante e necessário mas insuficiente na direção correta", escreveu Santos em sua coenta da rede social Twitter.
Leia Mais...
0

Pergunta Sem Resposta

Leia Mais...
0

Frases e Provérbios

"O dinheiro é uma nova forma de escravidão e distingue-se da antiga pelo simples fato de que agora a escravatura é impessoal, ou seja, não existe uma relação humana entre o senhor e o escravo."
Leon Tolstoi.
Leia Mais...
1

Mundo Livre S/a

domingo, 26 de fevereiro de 2012.
Sempre achei fantástico esta música do Esquema Noise, pois representa em suma a realidade do mundo neoliberal, é o paradoxo liberdade x autonomia. Enfim... Samba Esquema Noise e Mundo Livre S/a:

Leia Mais...
0

A leitura como uma aventura literária inesquecível

Por Rogers Silva
 
Muito se discute sobre os motivos da pouca (em quantidade e qualidade) leitura no Brasil. Alguns, inclusive, apontam uma crise da leitura. Outros, por sua vez, afirmam categoricamente que o número de leitores no país aumentou substantivamente nos últimos anos (afirmação baseada no aumento da vendagem de livros). Mas... será? Independente de quem esteja certo ou errado, este texto se propõe a discutir sobre as possíveis causas da pouca leitura no Brasil e algumas estratégias para diminuir esse problema (que alguns, sobretudo os reacionários, não vêem como problema, mas sim como solução, especialmente para os seus propósitos).
Em primeiro lugar é possível afirmar que, sem medo de errar, para que a leitura seja eficaz ela deve ser estimulada lá atrás, ainda na infância. E como nem sempre isso acontece, o país acaba crescendo sem curiosidade, vontade ou competência para ler. Ou seja, a própria relação que o adulto (não) possui com a leitura implica na relação da criança com a leitura. E como o adulto no Brasil não possui grandes vínculos com ela (de literatura, então!), é fácil entender porque a criança, o pré-adolescente, o adolescente e o jovem não têm lá muito interesse por livros.
Abaixo três alternativas (estratégias) discutidas e propostas por muitos especialistas:
A escolha do livro: não se deve, de maneira alguma, impedir leituras ditas inapropriadas (best-sellers, por exemplo). É preciso, sim, orientar a criança em suas leituras, respeitando sempre suas vontades. Deve-se, assim, preparar a criança para o mundo através das leituras, mostrando e criando oportunidades que desenvolvam seu senso crítico, pois um bom leitor torna-se um pensador. E o país necessita, e muito, de pensadores, e não apenas de repetidores de pensamentos alheios.
O livro como lazer: encarar a leitura, a princípio, como prazer (lazer, entretenimento) é mais fácil para que ela se torne um hábito, o que nem sempre acontece quando ela é tratada de maneira tradicional, obrigatória, com as famigeradas posteriores avaliações. Alguém ainda duvida disso? Duvido que duvide.
Informação e arte: enquanto a primeira é denotativa, a segunda é conotativa e, como a literatura é uma arte (a arte das palavras), é preciso trabalhá-la de forma acessível, dando liberdade de interpretação às crianças. A criança possui seu próprio cérebro e, acreditem!, ele é capaz de pensar.
Já que estamos falando de crianças, falemos então das...

Características da obra literária infantil
1) Aquele que se dispõe a ler, sugerir, trabalhar com a obra infantil, não deve de forma alguma diminuir seu valor frente à obra dita adulta. São gêneros diferentes: os públicos, a linguagem, os propósitos são distintos. Ao contrário do que se pensa, é possível sim aliar simplicidade e complexidade (vide A bolsa amarela, de Lygia Bojunga Nunes). O mesmo (mas ao contrário) acontece em livros para adultos: muitos conseguem ser herméticos e medíocres ao mesmo tempo.
2) As ilustrações, claro está, podem ajudar a criança a entender a obra, sobretudo a que porventura não sabe ler. Essas ilustrações devem dar margem à imaginação, à recriação, transcender o próprio desenho. Porém, na medida em que a criança cresce, as ilustrações diminuem e, por outro lado, as palavras aumentam (em quantidade, e não em tamanho). OBS.: Desenhos que traduzem exatamente o que o texto está dizendo, desenhos que não dizem nada em relação ao texto são equívocos que devem ser evitados – essa é uma grande preocupação dos especialistas em leitura e literatura infantil e infanto-juvenil.
3) É óbvia a afirmação, mas, ainda de acordo com os especialistas, as editoras devem se preocupar com o tipo de papel, capa e forma de acabamento da obra, pois são aspectos muito importantes do livro infantil.
4) A indústria cultural afeta enormemente os tipos de livros lançados. Os adultos, muitas vezes, não considerando a criança, impõem-lhe valores e dominam o discurso literário. É preciso que os adultos que queiram estimular a leitura em crianças tenham consciência que cada idade possui suas características, suas limitações e suas visões de mundo. E há livros para tudo quanto é gosto.
Por outro lado é importante...

Ler os clássicos
Clássicos são obras que, por vários motivos (sobretudo pela sua qualidade e profundidade inquestionáveis), se tornaram cânones e que, atualmente, ainda são dignas de apreciação e estudo. Ler um clássico na idade adulta, mesmo que lido na juventude, é sempre uma nova leitura, uma descoberta. O texto é o mesmo, mas a mentalidade e o amadurecimento do leitor se modificaram, e por isso que em toda releitura há uma nova visão, novas descobertas, coisas a serem apreendidas. Clássico é o livro que não se esgota. É importantíssimo lermos e sugerirmos clássicos a jovens leitores, pois autores como Machado de Assis, Cervantes, Shakespeare, Sófocles, Balzac, entre outros, são a base da literatura universal.
No entanto, para as crianças (ou pré-adolescentes, ou adolescentes) é mais sensato a sugestão/indicação/leitura dos clássicos adaptados (ou dos clássicos da literatura infantil), porque somente com o entendimento do que está sendo li(n)do é possível embarcar na...

Aventura literária
E por falar em aventura literária, sabe-se que na literatura infantil e infanto-juvenil brasileira o clássico dos clássicos é o escritor Monteiro Lobato, que consegue ser ao mesmo tempo de leitura prazerosa e crítico, de alta literariedade, questionador. Monteiro Lobato instiga o leitor a questionar valores da época e de agora. Diversão garantida! Aprendizado, idem. Eis a derradeira sugestão deste texto: ao invés de comprar batom, LEIA Monteiro Lobato. A aventura será inesquecível.
 
Leia Mais...
0

OUTRA TRAGÉDIA FAMILIAR

A família Novelino sofre mais uma perda no espaço de cinco anos, após o massacre e assasinato de dois irmãos , em 2007. Agora (sábado 25) , o empresário Alexandro, que também era deputado estadual pelo Pará, encontrou a morte em um acidente aéreo, quando se deslocava de Belém para uma fazenda e o helicóptero caiu em terras do município de Acará, matando também mais duas pessoas.
O corpo do parlamentar, está sendo velado na Assembleia Legislativa, em Belém, cujo sepultamento está previsto para hoje, domingo. 
Leia Mais...
2

Democracia? Mafalda Explica!

Leia Mais...
0

Frases e Provérbios

"Os anarquistas são liberais, todavia mais liberais que os liberais; e são socialistas, todavia mais socialistas que os socialistas."
Nicolas Walter.
Leia Mais...
7

Policialmente Bisonho

sábado, 25 de fevereiro de 2012.

Antes de começar o post só uma observação. Tinha gente achando que eu tava de brincadeira quando disse que estavamos a contar os cadáveres, vejam a lista depois desta postagem publicada pelo Bordalo, é a primeira do ranking de Homicídios pós carnaval.

Bem... a postagem de hoje é sobre um acontecido na tarde de quinta feira ultima. Estava eu na fila do Banco do Estado do Pará (BanPará) e eis que se posicionam duas figuras atrás de mim, eram dois policiais militares, cabos da PM. O que me chamou a atenção, e a de todos presentes no banco aquela hora foi o conteúdo da conversa, que é o assunto desta postagem. Pois bem, apesar de os dois não terem feito questão nenhum de manter a conversam em sigilo (estavam falando alto o suficiente para todos ouvirem) vou publicar aqui apenas duas siglas para identificação, serão os cabos F e B.

A conversa inicia com a torta concepção de “justiça” por parte do cabo F que reclamava: - Não é possível tamanho dia de folga e eu preciso ir ao forum para exclarecer a juíza porque eu prendi um vagabundo. Se já não bastasse esta idéia de eu prendo qualquer um e a justiça que se vire ainda veio mais isso: - Vão me tirar da rua, eu prefiro assim, ficar apenas no quartel. Eles dizem que eu atrapalho o trabalho que sou esquentado. O negócio é que eu não aturo certos tipos de coisas, por exemplo; hoje o policial tem que chegar lá conversar com a pessoa, dizer porque está predendo e tudo mais, precisa ser é psicologo e não PM. Eu lá vou fazer isso! eu chego lá e vou logo é dando tabefe e se o cidadão não quer vir, então, aí eu digo logo: - rapaz tu vai ter que ser melhor de braço do que eu. Comigo é assim ou vem por bem ou por mau. Gostaria de ficar aqui escrevendo linhas e linhas do conteúdo desta conversa, mas acho que ela fala por sí só. vejam vocês... depois que estas criaturas fazem o que fazem ninguém sabe o porque. O exercício da “autoridade” é feito com total irresponsabilidade, é a lei do “eu mando você obedece eu falo você fica quieto” ainda bem que pelo menos neste caso este estará aposentado das ruas, gostaria de cumprimentar o comandante ou responsável da PM por estar colocando os “homens das cavernas” longe da população. Eu hein zé!

Mas calma aí que não terminou ainda. O que achei interessante foi a continuação o cabo F afirmando: - Fui ontem na delegacia dar queixa de um cidadão por desacato a autoridade (pudera), quando eu cheguei lá a delegada por ser seu conhecido já ia liberando ele e ainda tentou argumentar comigo que não tinha o porque deixar ele detido, aí eu argumentei que estava querendo me enganar eu conheço direito e sei muito bem o procedimento e ainda sim ela o liberou, é sempre assim a gente captura e por ser conhecido dessa gente é solto. Depois que se vê porque tem um bocado que “apronta” por aqui e a impunidade reina se realmente aconteceu como o descrito na conversa dos cabos isso só pode dar a resposta para um bocado de questões.

Ainda tem muita coisa que os dois trocaram por lá, mas em sintese o final da prosa resumiu tudo. O cabo B dizendo “agora pra mim é assim, como diz nosso amigo h “bater o ponto e ir pra casa”. Ninguém se importa mesmo, a policia a muito tempo virou apenas cabide de emprego, é a possibilidade de estabilidade financeira e eu é que vou me importar? Vou só fazer o meu horário e voltar para casa, fica tudo assim a justiça finge que faz alguma coisa, a gente finge que trabalha e a população finge que acredita na gente”. Significativo o termino da conversa porque representa em suma a nossa triste realidade, o que eu não achei concordante foi dizer que a população “finge que acredita” porque nesta espécie a gente já deixou de “acreditar” a muito tempo, mas é claro que ainda existem policiais competentes e responsavéis, mas pelo visto estam cada dia virando raridade. Triste.   
Leia Mais...
0

Insegurança: mais de 70 homicídios durante o carnaval no Pará

Por mais que o governo Jatene tente esconder o sol com a peneira, não há a menor sombra de dúvida que a violência no Pará está em total descontrole e apopulação, abandonada. 

Só no período do carnaval deste ano, do dia 17 a 22, houve 71 homicídios registrados. Se esse é o número que consta nos computadores da polícia, é  sinal que a mortandade foi bem maior.


E o governo, diante da cruel realidade, faz o quê? Nega a realidade, ao invés de trabalhar para oferecer a segurança tão prometida ao povo do Pará.



Confira os números de homicídios neste carnaval:


1- Vítima: Márcio Rodrigo Santos Soares - Local:
Belém
2- George Castro Rodrigues - Breu Branco
3- Manoel Raimundo dos Santos Souza- Parauapebas
4- Nicolas Orleans Andrade da Silva - Parauapebas
5- Tiago Leite - Brasil Novo
6- João Batista Ferreira Correa-  Santa Luzia do Pará
7- Alisson Lima de Paiva - Castanhal
8- Marcelo Ferreira Coelho - Marabá9- Salomão da Silva Goes - Acará
10- Antonio Martins de Souza Pereira - Belém
11-Claudio Matias Pinto - Marabá
12- Vulgo "GRANDE"- Parauapebas
13- Amâncio Paulo Coutinho - Ananindeua
14- Adeliones Setubal Carvalho- Belém
15- Bruno Trindade Perdigão - Ananindeua
16- Renato Pereira- Marituba
17- Rozenaldo da Silva Maria- Marituba
18- Tiago Pereira Beckman- Moju
19- Vinicius da Costa Ramos - Moju
20- Daniele Aparecida de Freitas -Vila dos Cabanos/Barcarena
21- Weberson Souza Miranda -Castanhal
22- Roberto Sobrinho da Silva - Pacajá
23- Francisco Alex Sales Sérgio - Tailândia
24- Geovan Ribeiro da Conceição -Vila dos cabanos/Barcarena
25- Bledson Paulo Saldanha - Aurora do Pará
26- Francisco Gilbervanio de Oliveira - Aurora do Pará
27- Antonio Rocha Cordovil Filho -São Miguel do Guamá
28- Érico Bruno Matias Brune - São Domingos do Araguaia
29- Erivane da Silva Simplício - Goianésia do Pará
30- Jonas de Araujo Ferreira - Ananindeua
31- Lorivan Pereira da Silva - Baião
32- Elson Souza Araújo - Castanhal
33- Gilmar Augusto Correa Pontes - Belém
34- Jaylson da Costa Amorim -Vila dos Cabanos/Barcarena
35- Vulgo "RISCA FACA" -Tailândia
36- Ranolfo Feliz Moreira - Ipixuna do Pará
37- Michel Platini Carlos Santos - Itaituba
38- Cláudio Matias Pinto -Parauapebas
39- Paulo Henrique Pereira da Silva - Rio Maria
40- Josenildo Correa Dias - Abaetetuba
41- Jeimisson Jordam Bezerra Santos - Altamira
42- Ademir Alves da Silva - Garrafão do Norte
43- José Domingos dos Santos - Pacajá
44- Orlando da Cruz Almeida Júnior - Cametá
45- Charles Wilson de Souza Viegas -Belém
46- Wellington Cristino Costa Lopes - Santa Isabel
47- Wanderson Leandro Navegantes Sobral -Belém
48- Bruno Rafael da Conceição Assunção -Santa Isabel
49- Greyjon Cunha da Costa -Ananindeua
50- Akas Ferreira Perreira -Rurópolis
51- Marina Luiza de Moura Gomes - Rio Maria
52- Lino da Silva Paiva - Concórdia do Pará
53- Valdiclei Silva de Oliveira - Ananindeua
54- José Maria Menezes Cunha - Ananindeua
55- José Ribamar Costa Campos -Belém
56- Cláudio Genésio Brito Gonçalves - Belém
57- José Cardoso -Marituba
58- Leoni Márcio Pereira de Oliveira - Ananindeua
59- Messias Vieira da Silva - Primavera
60- Zilda Ribeiro da Silva Costa - Salinópolis
61- Rogerio Mourão - Parauapebas
62- José Alves da Silva  - Marabá
63- Antonio Kelvin Fernandes - Parauapebas
64- Clóvis Pereira - Paragominas
65- João da Silva Miranda - Ananindeua
66- Elza Carvalho Bezerra - Paragominas
67- Pedro Costa - Marituba
68- Bruno da Silva Brito -Belém
69- Juarez José Dias - Belém
70- João da Silva - Santa Maria do Pará
71- Kelly Ane Favacho Braga - Ananindeua
Leia Mais...
2

Conheça os 16 tipos de beijos do Kama Sutra

 Essa é para os curiosos de plantão, se querem saber os variados tipos de beijo do Kama Sutra é só ler essa matéria que foi publicada na Superinteressante  de autoria de Lívia Aguiar e matem suas curiosidades.


O Kama Sutra é muito mais do que um guia de posições sexuais, certo? O livro também ensina técnicas de sedução, dita regras de relacionamento, dá dicas para conquistar a mulher alheia e recomenda às cortesãs quando deixar de cobrar pelos seus serviços. Muito útil.

Mas é claro que você quer saber mais sobre o segundo capítulo e suas 529 maneiras de se divertir com o parceiro sexual.
Em homenagem ao Dia dos Namorados, trouxemos para você os 16 tipos de beijo ensinados pelo Kama Sutra! Os nomes são meio estranhos e as descrições meio técnicas demais. Mas lembre-se: o treino leva à perfeição. Vamos lá, vai ser divertido.

Ah, o clássico beijo voltado...

1. Beijo Nominal: Um dos amantes toca a boca do outro com os lábios, sem fazer mais nada.
2. Beijo Palpitante: Durante o beijo nominal, um dos amantes movimenta o lábio inferior, mas não o superior.
3. Beijo de Toque: Um dos amantes toca os lábios do outro com a língua, fecha os olhos e coloca suas mãos nas do outro. Lambidinha romântica? Risos.
4. Beijo Direto: Os lábios dos dois amantes entram em contato direto. Aqui no ocidente, esse beijo também é conhecido como “selinho”.
5. Beijo Inclinado: É, basicamente, o selinho (Beijo Direto), mas os amantes devem estar com as cabeças inclinadas.
6. Beijo Voltado: Um dos amantes volta o rosto para o outro, segurando a cabeça e o queixo do outro enquanto se beijam.
7. Beijo Pressionado: O lábio inferior é pressionado com muita força pelos dedos do amante. Há ainda o beijo “muito pressionado”, quando o lábio inferior é agarrado pelo amante entre dois dedos e depois pressionado com o lábio. Meio estranho, mas vale a pena tentar, não?
8. Beijo do Lábio Superior: O amante beija o lábio superior do outro e o amado, por sua vez, beija seu lábio inferior.
9. Beijo Agarrado: Um dos amantes toma ambos os lábios do outro entre os seus. Mas atenção: só homens sem bigode podem dar esse beijo! Polêmico.
10. Luta de Línguas: Durante o beijo agarrado, um dos amantes toca os dentes, língua e céu da boca da pessoa amada. Também é permitido pressionar os dentes de um contra a boca do outro. Perigoso.
11. Beijo que Acende o Amor: Acontece quando um amante contempla o outro adormecido e o beija (não necessariamente nos lábios, fica a dica).
12. Beijo que Distrai: É quando se beija o amante enquanto ele está trabalhando, olhando para outra pessoa ou quando estão brigando.
13. Beijo que Desperta: Ao chegar em casa tarde da noite, o homem beija a amante que está dormindo. Dica: a mulher pode só fingir que está dormindo.
14. Beijo Revelador de Intenção: Beija-se o reflexo da pessoa amada num espelho, na água ou na parede. Oi?!?!
15. Beijo Transferido: Quando se beija uma criança de colo, um retrato ou uma imagem na presença da pessoa amada.
16. Beijo Demonstrativo: Quando o homem beija os dedos das mãos (quando a mulher estiver de pé) ou dos pés (quando ela estiver sentada) em um local público. Ou quando a mulher se deita no colo do amante e beija suas coxas ou o dedão do pé.

E você pensou que só existia o selinho e o beijo de língua, né?
Leia Mais...
0

Casa, Comida e Roupa Lavada

Leia Mais...
0

Frases e Provérbios

"Os anarquistas são liberais, todavia mais liberais que os liberais; e são socialistas, todavia mais socialistas que os socialistas."
Nicolas Walter.
Leia Mais...
0

Série

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012.

Gostaria de indicar para que vocês acompanhem uma série que foi iniciada pela amiga blogueira e anarquista Josi Rizzari lá no blog Anarcolitico, desta vez vou publicar o link e aí vocês acompanham por lá as demais que contará um pouco das histórias dos principais teoricos e as mentes mais brilhantes que discorreram ao longo da sua vida sobre o Anarquismo.

Bem... na primeira da série a Josi trata de contar a história de Emma Goldman uma grande feminista que escreveu ao longo da sua vida sobre feminismo, sobre o anarquismo, sociedade capitalista e demais coisas que vocês poderão ver um pouco lá no Arcolitico. Aí vai o link:

Leia Mais...
0

OK, EINSTEIN...



Falha adulterou pesquisa com neutritos

Cientistas descobriram falha no equipamento que gerou uma das maiores polêmicas científicas do ano passado

Todos podem dormir sossegados: a Teoria da Relatividade de Albert Einstein está salva por enquanto. Os neutrinos mais rápidos que a luz, descobertos no ano passado por físicos do Centro Europeu de Pesquisa Nuclear (na sigla em francês, CERN), nada mais foram do que resultado de uma má conexão entre um dos computadores e o GPS do experimento.

Em setembro de 2011, físicos do experimento OPERA descobriram que neutrinos (pequenas partículas subatômicas) estavam fazendo a viagem entre dois laboratórios, um na Suíça e outro na Itália, a uma velocidade 60 nanossegundos mais rápida que a da luz – de acordo com a teoria de Einstein, isso seria impossível. Os resultados foram publicados para que a comunidade científica pudesse avaliá-los.

Uma segunda tentativa em novembro continuou dando o mesmo resultado, enquanto físicos do mundo inteiro coçavam a cabeça, tentando descobrir eventuais erros e imaginando como seria um universo em que a Teoria da Relatividade não fosse mais válida.

Mas porta-vozes do CERN admitiram nesta quarta-feira (22) que técnicos do Centro descobriram no início do mês que a discrepância pode estar relacionada a problemas com o GPS usado na experiência. Foi descoberta uma má conexão do cabo ótico que ligava um GPS a uma unidade de processamento do OPERA. Esse problema gerava justamente os 60 nanossegundos a menos registrados na experiência. Outro problema pode ter sido na sincronização dos dados do GPS com o processamento central.

De acordo com James Gillies, do CERN, essa hipótese ainda tem que ser confirmada, com a repetição dos testes, agora com todos os cabos e equipamentos em ordem.

................
...você venceu!
Leia Mais...
0

Eis a Questão

Leia Mais...
0

Frases e Provérbios

"As revoluções fracassam porque, uma vez que triunfam, os homens deixam tudo nas mãos de um novo governo "revolucionário"... Em lugar de faze-lô eles mesmos."
Ricardo Flores Magón.
Leia Mais...
0

Gargalhadas

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012.

Eu sempre estou procurando alguma coisa diferente ou que pelo menos o que o meu ouvido nunca tenha tinha a oportunidade de ouvir e como chegou ao fim o carnaval, estamos cá a contar os mortos, então só para dar uma relaxada fui procurar uns instrumentais, e tal, e aí me dei de cara com essa banda chamada Cinco a Seco, bem escreveu Estela Cotes para o portal colherada cultural ”Representante de uma música popular brasileira contemporânea, o 5 a Seco é responsável pelas letras e pelos arranjos executados por eles mesmos no palco, cada um com um instrumento diferente – entre eles, o violão, a guitarra e o piano. Assim como outros fenômenos da nova geração da MPB, como Malu Magalhães e a recente A Banda Mais Bonita da Cidade, o grupo tem a internet como aliada na divulgação do trabalho independente.”
A banda, como bem insinua o nome, é composta de cinco membros, são eles; Vinicius Calderoni (26), Tó Brandileone (24), Leo Bianchini (27), Pedro Altério (23) e Pedro Viáfora (22). O grupo gravou seu primeiro Cd e DVD em junho do ano passado no auditório do Ibirapuera.
Bom... sem mais, vamos curtir um pouco de gargalhadas, com composição de Pedro Altério e Pedro Viáfora:

Leia Mais...
 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |