Quem me leva os meus fantasmas ?

quinta-feira, 27 de abril de 2017.
Demorei uns dois dias para escrever esse texto porque não conseguia encontrar algo para definir a falta que me faz. Não sei se isso ocorreu ou ocorre com vocês aquele sentimento de que você deixou algo passar e que isso é definitivo, que não tem como desfazer ou fazer algo diferente. Então meio que sem querer eu abri o youtube e fui ouvir Bethânia e achei o que procurava a palavra é “pertencimento”.
Sinto o tempo todo que não faço parte de nada e quando faço o faço por obrigação não porque eu gosto ou que me dê algo além do prazer fútil e supérfluo. O sentimento é como estivesse assistindo uma cena que se repete no infinito, mas que tu não tem forças pra intervir e mudar as coisas: uma torneira pingando, um vagão de trem passando por pilares, gotas de chuva caindo como navalhas, uma balão sendo comprimido, o tempo nublado em uma casa de campo... eu sempre tive um pesadelo ou vários com esse tipo de cena e demorei a entender que isso é o reflexo absoluto da falta que me faz o alguma coisa.
Agora o que fazer para conseguir encontrar o caminho? Como trilhar e ter a certeza de que levará alguma coisa? Minhas certezas e minhas duvidas e no meio disso tudo a vida.
No consultório de psiquiatria o médico me disse que um dia eu vou perceber que a vida é boa graças as pessoas, retruquei de imediato a afirmação, pois creio com absoluta certeza que a vida é boa apesar das pessoas e que devemos sim ter uma inclinação para tentar, testar e experienciar tudo o que for possível e quando isso chegar é porque acabou. É o fim...
Bom, é isso.... fiquem com Bethânia J


Comentários:

 
Blog do Tiago Sousa © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |